Delegação dos Estados Unidos visitará a China na próxima semana

Em dezembro, durante a cúpula do G20, o líder chinês, Xi Jinping, e o presidente americano, Donald Trump, chegaram a um acordo para trégua

Pequim – Uma delegação dos Estados Unidos, liderada pelo representante adjunto de Comércio, Jeffrey Gerrish, visitará a China os próximos dias 7 e 8, para iniciar conversas em nível vice-ministerial sobre questões comerciais, que permanecem confrontadas entre as duas potências desde o início do ano passado.

O Ministério de Comércio da China confirmou nesta sexta-feira, através de um comunicado, que a delegação americana visitará o país na próxima semana e “manterá conversas ativas e construtivas com o grupo de trabalho chinês” com base no acordo alcançado entre os presidentes dos dois países no mês passado.

No início de dezembro, durante a cúpula do G20, em Buenos Aires, o líder chinês, Xi Jinping, e o presidente americano, Donald Trump, chegaram a um acordo para uma trégua de 90 dias, com o objetivo de negociar em meio a guerra comercial entre as duas maiores economias do mundo.

O anúncio da reunião entre delegações dos dois países esteve precedido por pelo menos duas ligações telefônicas ao mesmo nível de vice-ministros, relacionadas com questões comerciais e acontecidas nos dias 19 e 24 de dezembro, além de uma entre Xi e Trump, no dia 29.

Além disso, o Ministério das Relações Exteriores chinês afirmou no último dia 30 que seu país está “preparado para trabalhar com os EUA para implementar o importante consenso alcançado”, em referência ao acordo de Buenos Aires.