Cooperativas esperam aumento de microcrédito no país

Setor acredita que governo deve aumentar a oferta de microcrédito como parte do plano Brasil sem Miséria, de combate à pobreza

Brasília – A oferta de microcrédito a famílias que vivem em situação de extrema pobreza, prevista no Plano Brasil sem Miséria, lançado hoje (2), é uma oportunidade para aumentar a renda de trabalhadores e artesãos associados em cooperativas, como a Cooperativa de Costura Osasco (SP).

A cooperativa do município de Osasco, na Grande São Paulo, produz sacolas, uniformes escolares e de trabalho e participa de um arranjo produtivo para confecção de uniformes para a rede municipal de ensino. Com a oportunidade de acesso ao microcrédito, a costureira Marise Rodrigues, que participou da cerimônia de lançamento do programa, irá voltar para a cidade dela com planos de expandir a cooperativa.

“O microcrédito ajudaria, com certeza. Tudo que conseguimos foi com nosso esforço, ajuda de assessorias e, com esse microcrédito, vamos expandir muito mais. Podemos aumentar nosso espaço, que já está ficando pequeno, e vamos aumentar nossa produção”, disse ela.

A concessão de microcrédito faz parte do plano governamental para retirar moradores de regiões urbanas da situação de extrema pobreza. Dados apresentados no plano mostram que 53% dessas pessoas vivem em cidades.