Confiança do consumidor paulistano cai 2,7% em agosto

O segmento que mais contribuiu para a queda de confiança foi o composto por pessoas com idade superior a 35 anos

São Paulo – O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) no município de São Paulo caiu 2,7% em agosto, segundo pesquisa da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) divulgada hoje (29). No mês, o indicador atingiu 133 pontos, em uma escala que varia de 0 (pessimismo total) a 200 pontos (otimismo total).

Em julho, o ICC registrou 136,7 pontos. Em comparação com o mesmo período do ano passado, a queda foi de 14,9% – agosto de 2012 registrou 156,3 pontos.

“As quedas mês a mês do ICC mostram que o consumidor paulistano está cauteloso e apreensivo quanto às turbulências socioeconômicas atuais. A falta de confiança se justifica pela perda de poder aquisitivo da população, motivada pelo aumento dos preços ao consumidor”, ressalta a entidade em nota.

A FecomercioSP destaca que o segmento que mais contribuiu para a queda de confiança foi o composto por pessoas com idade superior a 35 anos. O grupo, que registrou declínio de 6,2% em relação ao mês passado, caiu de 130,2 para 122,1 pontos. Os dados do ICC são apurados mensalmente a partir de pesquisa com cerca de 2,1 mil consumidores no município de São Paulo.