China pode ajudar setores com excesso de capacidade

O país enfrenta excesso de capacidade em diversos setores, incluindo de siderurgia, automóveis e painéis solares

Pequim – O governo da China poderia ajudar as empresas a saírem de setores prejudicados pelo excesso de capacidade e transferirem a produção para outros locais, afirmou Shi Yaodong, pesquisador do Centro de Desenvolvimento e Pesquisa do Conselho Estatal, durante um fórum financeiro.

“O governo pode fazer muito para dar suporte político a empresas de setores onde existe excesso de capacidade, por exemplo criando fundos especiais para ajudar as empresas a saírem desses setores”, disse.

Os fundos poderiam ser usados para as companhias compensarem funcionários, modernizarem equipamentos e reduzirem as dívidas, segundo Shi.

A China enfrenta excesso de capacidade em diversos setores, incluindo de siderurgia, automóveis e painéis solares, ao mesmo tempo que tenta solucionar o problema da desaceleração do crescimento econômico e da queda dos preços nas portas das fábricas.

Por anos o governo chinês tentou resolver a questão reduzindo ou eliminando capacidade obsoleta e elevando as exigências para empresas entrarem em certos setores.

No passado, o governo prometeu não aprovar novos projetos em certos setores, mas encontrou dificuldades para manter limites a investimentos durante um período prolongado por causa de pressão política, especialmente de governos locais.

As informações são da Dow Jones.