China diz que vai continuar reforma do mercado financeiro

Pequim também vai buscar mais aperfeiçoamentos no setor de seguros do país, reportou a emissora estatal

Pequim – A China tem evitado riscos sistêmicos em seus mercados financeiros e continuará a avançar com a reforma do mercado, disse o primeiro-ministro do país, Li Keqiang, nesta quinta-feira segundo a televisão estatal.

Durante uma visita a uma filial do banco central da China, Li disse que o país vai abrir mais seus mercados de capital tanto para investidores domésticos como para os estrangeiros, de acordo com a China Central Television.

Li também disse que a China vai intensificar seus esforços para impedir fluxos internacionais de capital ilegais.

Pequim também vai buscar mais aperfeiçoamentos no setor de seguros do país, reportou a emissora estatal.