Chefe de agência de estatísticas chinesa é investigado

O anúncio ocorreu horas após Wang realizar uma entrevista coletiva sobre a economia

Pequim – O chefe da Agência Nacional de Estatísticas da China está sendo investigado por supostas violações disciplinares, informou nesta terça-feira o órgão de vigilância anticorrupção do Partido Comunista, no envolvimento mais recente de uma autoridade de alto escalão em um caso de corrupção.

A autoridade, Wang Baoan, é “suspeita de sérias violações disciplinares”, informou a Comissão Central para Inspeção Disciplinar (CCDI, na sigla em inglês) em um pequeno comunicado em seu site oficial.

Não foram fornecidos mais detalhes. No passado, o uso de tal palavra sobre violações geralmente era referido a corrupção.

O anúncio ocorreu horas após Wang realizar uma entrevista coletiva sobre a economia.

Wang não pôde ser contactado para comentários.

O presidente chinês, Xi Jinping, embarcou em uma campanha para eliminar a corrupção profundamente enraizada desde que assumiu o poder, há três anos, alertando, como outros anteriores, que o problema é tão grave que poderia afetar o poder do partido.