Cepal reduz projeção de crescimento da América Latina

Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe reduziu projeção de crescimento para a região em 2014 de 2,7% para 2,2%

Santiago – A Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (Cepal) reduziu sua projeção de crescimento para a região em 2014 de 2,7% a 2,2%, em função da fraca demanda externa e interna, informou nesta segunda-feira.

“As economias da América Latina e do Caribe crescerão em média 2,2% em 2014 por causa da fragilidade da demanda externa, um baixo dinamismo da demanda interna, insuficiente para a implementação de políticas que impulsionem a reativação”, assinalou a comissão em seu comunicado.