Caixa quer financiar R$ 155 bi em imóveis em 2014

O banco financiou quase R$ 153 bilhões no ano passado

São Paulo – A Caixa Econômica Federal espera alcançar R$ 155 bilhões em concessões de crédito imobiliário este ano ante montante de quase R$ 135 bilhões no ano passado, reafirmou o presidente do banco, Jorge Hereda, na abertura da décima edição do feirão de imóveis.

Desde que passou a atuar neste segmento, conforme ele, a instituição nunca recuou na oferta de recursos.

“A Caixa é sempre otimista e não se mete onde não tem certeza. A Caixa não se mexe por humor. O banco tem parâmetros (para dar crédito)”, afirmou ele, na cerimônia de abertura do evento, que acontece de hoje até o dia 04 de maio, em São Paulo.

“Somos o banco da habitação”, acrescentou.

Hereda disse ainda que tem certeza de que a Caixa está no caminho certo em relação à estratégia adotada pelo banco. Sobre o feirão, o executivo afirmou que espera que seja um “sucesso” como em outros anos.

Comemorou ainda o fato de a participação do crédito imobiliário no Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro ter crescido de 1,8% para mais de 8%.

A Caixa espera ofertar mais de 300 mil imóveis na edição do feirão deste ano. O evento, que acontece até o dia 25 de maio, passará por 13 cidades. Está prevista em todo o evento a presença de 560 construtoras e 340 imobiliárias.

Depois de São Paulo, o feirão ocorrerá entre os dias 16 e 18 em mais oito cidades: Brasília, Belém, Belo Horizonte, Curitiba, Fortaleza, Recife, Rio de Janeiro e Salvador.

O último fim de semana do evento será de 23 a 25 nas cidades de Campinas (SP), Florianópolis (SC), Porto Alegre (RS) e Uberlândia (MG).

Em São Paulo, serão oferecidos mais de 147 mil imóveis no feirão, distribuídos pela capital, Grande São Paulo e Baixada Santista. Participarão 83 construtoras, 57 imobiliárias, além de corretores e parceiros institucionais.

No ano passado, cerca de 53 mil pessoas visitaram o evento em São Paulo, onde foram fechados ou encaminhados mais de R$ 3,2 bilhões em negócios, correspondendo a 20.311 contratos.

*Matéria atualizada às 11h22