Brexit sem acordo pode gerar prejuízo de US$ 16 bilhões para o Reino Unido

Alerta veio de um estudo da Conferência das Nações Unidas sobre o Comércio e Desenvolvimento (Cnuced), conduzido por economistas

Um Brexit sem acordo faria os britânicos perderem 16 bilhões de dólares em exportações para a União Europeia (UE) e vários outros bilhões para outros países – alertou a ONU nesta terça-feira (3).

Em um estudo da Conferência das Nações Unidas sobre o Comércio e Desenvolvimento (Cnuced), os economistas da ONU indicam que uma perda do acesso preferencial “ao mercado da UE depois de um Brexit sem acordo causaria aos britânicos prejuízos em exportações de, pelo menos, 16 bilhões de dólares, o que representa 7% das exportações totais do Reino Unido para o bloco”.

Os economistas destacaram que “é uma estimativa conservadora”, já que os prejuízos devem ser “muito mais significativos”, devido à introdução de “medidas não tarifárias, controles fronteiriços e interrupção das redes de produção” existentes entre Reino Unido e UE.

“A incerteza crescente” à medida que se aproxima a data-limite do Brexit retoma a situação “problemática” para os exportadores do Reino Unido, avaliou a Cnuced.

Segundo o estudo, os exportadores mais afetados serão os da indústria automotiva, bem como os setores de produtos de origem animal e têxteis.