Brent toca mínima de mais de 2 anos com previsão demanda

Petróleo atingiu menor cotação desde junho de 2012, com previsões de um crescimento econômico mais fraco aumentando as preocupações sobre a demanda global

Londres – O petróleo Brent caiu abaixo de 91 dólares por barril nesta quarta-feira, atingindo a menor cotação desde junho de 2012, com previsões de um crescimento econômico mais fraco aumentando as preocupações sobre a demanda global de petróleo em um momento de ampla oferta.

Na terça-feira, o Fundo Monetário Internacional (FMI) reduziu suas estimativas para o crescimento econômico global pela terceira vez este ano, alertando para um crescimento mais fraco em importantes países da zona do euro, no Japão e em importantes mercado emergentes, como o Brasil.

Já a Administração de Informação de Energia (AIE), do governo dos Estados Unidos, reduziu sua projeção para o crescimento da demanda global por petróleo no próximo ano e baixou sua previsão para o preço do Brent em 2015.

“Há um sentimento negativo em todo o mercado no momento”, disse o analista de petróleo da Energy Aspects Virendra Chauhan, em Londres.

O Brent com entrega em novembro tinha queda de 0,84 dólar às 9h48 (horário de Brasília), para 91,27 dólares por barril, depois de tocar a mínima de 90,76 dólares mais cedo na sessão, menor cotação desde junho de 2012.

O petróleo nos EUA recuava 1,10 dólar, a 87,75 dólares por barril.