Brent se sustenta acima de US$109/barril por Líbia

Conflito e baixa produção da Líbia compensavam as expectativas de aumento dos estoques de petróleo nos Estados Unidos

Londres – O Brent se mantinha praticamente estável acima de 109 dólares o barril nesta terça-feira, uma vez que o conflito e a baixa produção da Líbia compensavam as expectativas de um aumento dos estoques de petróleo nos Estados Unidos para um recorde.

O Brent cedia 0,04 dólar, a 109,33 dólares o barril às 10h01 (horário de Brasília), após fechar em baixa na segunda-feira.

O vencimento junho do petróleo nos EUA avançava 0,01 dólar, a 102,62 dólares o barril. Esse contrato vence nesta terça-feira. O vencimento com entrega em julho subia 0,07 dólar, para 102,18 dólares.

“Ele (o Brent) falhou em se sustentar acima de 110 dólares ontem (segunda-feira) e não houve mais deterioração na Líbia…

Nós estamos em um grande intervalo de 105 a 110 dólares”, disse o operador Christopher Bellew, da Jefferies Bache.

A produção da Líbia encolheu em cerca de 210 mil barris por dia, bem abaixo dos níveis pré-crise, que era perto de 1,4 milhão de barrias diários, com campos ainda fechados apesar de o governo ter fechado acordo com os rebeldes para reabri-los.