Brent recua com alta do dólar e ampla oferta global

Série de quatro sessões consecutivas de queda jogou os preços no menor patamar desde 2012

Londres – O petróleo Brent caía para perto de 92 dólares por barril nesta sexta-feira, em uma série de quatro sessões consecutivas de queda que jogou os preços no menor patamar desde 2012, com oferta abundante e um dólar forte continuando a afetar as cotações.

O Brent com entrega em novembro recuava 0,79 dólar às 10h39 (horário de Brasília), para 92,63 dólares por barril.

As perdas aceleraram após a divulgação de dados sobre desemprego nos EUA. Na quinta-feira, o contrato tocou 91,55 dólares, menor nível desde junho de 2012.

Já o petróleo nos EUA recuava 0,10 dólar, a 90,90 dólares por barril. O contrato já perdeu quase 2 dólares esta semana, na maior queda semanal em um mês, tendo atingido 88,18 dólares na sessão anterior, mínima desde abril de 2013.

Dados encorajadores da economia norte-americana impulsionaram alta do dólar, que tinha ganhos de mais 1 por cento ante uma cesta de moedas às 10h27.

Este movimento no câmbio mais forte torna mais caro comprar petróleo e outras commodities denominadas em dólar para detentores de outras moedas.

“Enquanto tivermos uma alta do dólares, veremos uma saída de investidores das commodities”, disse Bill Hubard, economista chefe no Bankor.