Brasil promoverá integração empresarial dentro da OEA

Brasil promoverá dentro da Organização dos Estados Americanos processo de integração das micro, pequenas e médias empresas com similares de outros países

São Paulo – O Brasil promoverá dentro da Organização dos Estados Americanos (OEA) o processo de integração das micro, pequenas e médias empresas com similares de outros países em um encontro em novembro próximo, informou nesta sexta-feira em São Paulo o ministro da Micro e Pequena Empresa da Presidência da República, Guilherme Afif Domingos.

“Queremos ir um pouco (além) do Mercosul, porque a globalização não chegou aos pequenos do mundo”, afirmou o ministro durante o quarto café da manhã promovido pela Agência Efe e patrocinado pela empresa espanhola Indra.

Afif Domingos, filiado ao PSD, assinalou que a reunião será realizada em Brasília nos dias 11 e 12 de novembro e acrescentou que para o país é “muito importante” receber esse encontro com líderes do setor e representantes da OEA, no qual se abordará a situação atual das pequenas e médias empresas, “um assunto pouco discutido”.

O Brasil, segundo o ministro, “defenderá a simplificação do processo alfandegário para as pequenas e médias empresas e promoverá acordos bilaterais nos quais se defina o porte das empresas, o que permitirá uma logística adequada para que as companhias se beneficiem das isenções entre países”.

Nesse sentido, Afif Domingos, que também é vice-governador do estado de São Paulo, deu como exemplo que uma pequena empresa do interior da Espanha possa buscar uma similar brasileira “para fazer uma associação e transferir tecnologia, porque não se trata só investir”.

“O futuro do emprego está nas pequenas e médias empresas e o mundo tem que descobrir isso. Vamos começar por América do Sul, Caribe, Portugal, Espanha e África”, ressaltou Afif Domingos, que esteve acompanhado no fórum pelo deputado federal Guilherme Campos, do mesmo PSD.