Bolsonaro diz ter autorizado estudo para privatização dos Correios

Na semana passada, uma fonte do governo disse que estão trabalhando sobre a venda da estatal depois de vencida a resistência de Bolsonaro à privatização

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta sexta-feira que autorizou a realização de estudo para a privatização dos Correios.

“Demos OK para estudo da privatização dos Correios. Temos que rememorar para a população o seu fundo de pensão. A empresa foi o início do foco de corrupção com o mensalão, deflagrando o governo mais corrupto da história”, disse o presidente em mensagem no Twitter.

Na semana passada, um integrante da equipe econômica do governo disse à Reuters que o time estava trabalhando sobre a venda da estatal depois de vencida a resistência de Bolsonaro à privatização dos Correios.

Segundo a fonte, há uma avaliação de que a empresa ganhará mais liberdade para se modernizar e responder às mudanças no mercado promovidas pelo comércio eletrônico sem a União como controladora.