BNDES recebe 27% a mais de consultas de empréstimo neste ano

Segundo o BNDES, o crescimento nas consultas está distribuído por todas as áreas: agropecuária, infraestrutura, comércio, serviços e indústria

Rio de Janeiro – O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) prevê aumento na liberação de dinheiro neste ano. De acordo com nota divulgada hoje (19), aumentaram em 27% as consultas por crédito entre janeiro e maio deste ano em relação ao mesmo período de 2011.

“O comportamento das consultas é uma indicação de que os investimentos devem aumentar nos próximos meses, e a tendência é que isso se reflita em aceleração do ritmo dos desembolsos”, diz a nota.

Segundo o BNDES, o crescimento nas consultas está distribuído por todas as áreas: agropecuária, infraestrutura, comércio, serviços e indústria. Nesta última, um dos setores que mais procurou o banco foi o químico e petroquímico. Já na de infraestrutura, os mais interessados no crédito foram os segmentos de construção, serviços de utilidade pública e transportes.

Outro termômetro do provável aumento dos empréstimos, de acordo com o banco, é o enquadramento dos projetos nos critérios exigidos pela instituição. Entre janeiro a maio, foram aprovados 13% a mais de projetos em relação ao ano passado.

No período avaliado, o BNDES liberou R$ 43,8 bilhões em financiamento, o que representa um crescimento de 1% em relação ao mesmo período do ano passado. As micro, pequenas e médias empresas ficaram com R$ 17,2 bilhões das liberações, o equivalente a 95% das operações.