BNDES deve investir R$ 405 bi em óleo e gás até 2016

Até 2020, a estimativa do banco de demanda doméstica por bens e serviços em exploração e produção é, em dólar, US$ 400 bilhões

Rio – O Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) estima que os investimentos no Brasil no setor de óleo e gás serão de R$ 405 bilhões entre 2013 e 2016, contra R$ 276 bilhões registrados no período de 2008 a 2011.

A informação é do superintendente de área de Insumos Básicos do banco, Maurício Bacellar.

“É um volume super relevante e significativo e vai ser propulsor de investimento em outros setores”, disse.

Até 2020, a estimativa do banco de demanda doméstica por bens e serviços em exploração e produção é, em dólar, US$ 400 bilhões.

Bacellar disse que 2013 é um ano importante para o setor no Brasil, com a retomada dos leilões de áreas pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Apenas para Libra, que será leiloada no primeiro leilão do pré-sal, em outubro, são esperadas de 60 a 90 embarcações de apoio, disse.

O BNDES tem 40 projetos em carteira, totalizando R$ 3 bilhões. O banco financia diretamente projetos a partir de R$ 10 milhões. Indiretamente, financiamentos partem de R$ 3 milhões e R$ 20 milhões.