BNDES descarta corrida por empréstimos com substituição da TJLP

A presidente do BNDES disse também que a mudança não afetará contratos do banco para leilões de energia já ocorridos

Rio de Janeiro – A presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Maria Silvia Bastos Marques, disse que não espera mudança no ritmo de pedidos de empréstimos no banco após o governo federal ter anunciado nesta manhã que a Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP), subsidiada, será substituída a partir de 2018 pela Taxa de Longo Prazo (TLP), mas referenciada em preços mercado.

Falando a jornalistas, a executiva disse também que a mudança não afetará contratos do banco para leilões de energia já ocorridos ou os que tiverem condições anunciadas até o fim deste ano.

A TJLP será usada por até 30 anos para os contratos assinados nas condições atuais.