BCE empresta 82,6 bilhões de euros a bancos da Zona do Euro

Banco Central Europeu anunciou empréstimo de 82,6 bilhões de euros a 255 bancos da Zona do Euro, como parte de plano de empréstimos de longo prazo

Frankfurt – O Banco Central Europeu (BCE) anunciou ter emprestado nesta quinta-feira 82,6 bilhões de euros a 255 bancos da Eurozona, como parte de um plano de empréstimos de longo prazo (TLTR) destinado a aumentar a concessão de créditos ao setor privado e favorecer a reativação econômica.

A quantia ficou abaixo das expectativas dos analistas, que acreditavam na concessão de pelo menos 100 bilhões de euros aos bancos da Eurozona por ocasião desta primeira linha de crédito, a quatro anos.

No dia 11 de dezembro deve acontecer uma segunda operação do mesmo tipo, e entre março de 2015 e junho de 2016 acontecerão outras seis.

A quantia concedida nesta quinta-feira também é pequena levando-se em consideração que os bancos têm a possibilidade de pedir empréstimos de até 400 bilhões de euros entre esta operação e a de 11 de dezembro.

Os créditos têm como condição expressa que as entidades emprestem este dinheiro às empresas.

Os bancos incapazes de demonstrar que concederam mais crédito à economia real deverão devolver o que foi emprestado antes, no outono (do hemisfério norte) de 2016.

O objetivo do BCE com as operações é favorecer o crescimento em uma Eurozona paralisada, e também a inflação, que foi de apenas 0,4% em agosto e ameaça se tornar uma deflação, um fenômeno de queda contínua dos preços que desencoraja a atividade.