BC muda sistemática de operações do crédito rural

Expectativa é que o governo ganhe mais um instrumento para auxiliar na gestão das políticas de crédito rural, do Proagro e do seguro rural

Brasília – O Banco Central (BC) instituiu hoje (21) o Sistema de Operações do Crédito Rural e do Proagro (Sicor), em substituição ao Registro Comum de Operações Rurais (Recor).

Além de conter os dados do Recor, o novo sistema terá o registro mensal do saldo devedor dos tomadores de crédito rural, o status da operação quanto ao grau de adimplência e as coordenadas geodésicas do empreendimento rural.

Criado há 30 anos, o Recor contém o registro de todas as operações feitas pelo Sistema Nacional de Crédito Rural (SNCR), entretanto o cadastramento do financiamento agrícola tinha prazo de até 30 dias para ser feito, a partir da data de contratação.

A partir de 1º de janeiro, quando o Sicor entrará em vigor, o cadastramento será no ato da contratação.

De acordo com nota do BC, o novo sistema ajudará a aperfeiçoar, de forma substancial, o trabalho de fiscalização das instituições que operam com crédito rural e com o Programa de Garantia da Atividade Agropecuária (Proagro).

A expectativa é que o governo ganhe mais um instrumento para auxiliar na gestão das políticas de crédito rural, do Proagro e do seguro rural.