BC do México mantém taxa de juro inalterada

Em comunicado, o BC mexicano disse que ficará vigilante para impedir que a recente depreciação do peso afete os preços na economia local

Cidade do México – O Banco Central do México manteve sua taxa básica de juros inalterada em 3,5%; a decisão ficou em linha com a expectativa dos economistas.

Em comunicado, o BC mexicano disse que ficará vigilante para impedir que a recente depreciação do peso afete os preços na economia local.

O índice de preços ao consumidor subiu 4,6% na primeira quinzena de janeiro em comparação com o mesmo período de 2013, superando a meta do BC, de 4%.

O presidente do Banco Central do México, Agustín Carstens, disse que continuará atento à política monetária nos EUA, onde o Federal Reserve está reduzindo gradualmente seu programa de compras de bônus. Fonte: Dow Jones Newswires.