BC da China lança sistema de pagamento internacional em iuan

O novo sistema colocará o iuan em um patamar mais equivalente ao de outras moedas globais como o dólar

Hong Kong – O banco central da China lançou nesta quinta-feira um sistema de pagamento global em um importante passo para facilitar a liquidação de transações em iuan, em meio ao objetivo de Pequim de internacionalizar sua moeda e desafiar a primazia do dólar.

O Sistema de Pagamento Internacional da China (Cips, na sigla em inglês), vai remover um dos maiores obstáculos para aumentar a liquidez global do iuan ao reduzir os custos de transações e o tempo de processamento.

O Cips será usado para dar suporte a acordos comerciais de bens e serviços e investimento direto, bem como financiamento e transferências individuais de recursos, informou o banco central chinês em comunicado.

Um total de 19 bancos foram selecionados para participar do Cips, sendo oito subsidiárias chinesas de bancos estrangeiros, incluindo Citi, Deutsche Bank, HSBC e ANZ.

O novo sistema colocará o iuan em um patamar mais equivalente ao de outras moedas globais como o dólar –o Cips deve usar o mesmo formato de outros sistemas de pagamento internacionais– e ajudar a promover a moeda no comércio global, onde o dólar reina absoluto.