Argentina vai preparar estudo sobre moeda única com Brasil

Ministro da Fazenda argentino disse estudo apontará as potenciais vantagens e quais mudanças nos países seriam necessárias

O ministro da Fazenda argentino, Nicolás Dujovne, disse nesta quarta-feira, 17, considerar “muito interessante” a ideia de uma moeda única no Mercosul. Segundo ele, um estudo será feito para apontar as potenciais vantagens e quais serão as mudanças necessárias para que a moeda seja criada.

O assunto já havia sido trazido à tona pelo ministro da Economia brasileiro, Paulo Guedes, na última viagem que fez à Argentina. A moeda, que atenderia Brasil e Argentina, se chamaria peso real. Após uma repercussão polêmica, Guedes disse que a ideia de uma moeda comum estava ” num horizonte mais distante”.

Diferentemente do que Guedes havia sinalizado, Dujovne apontou para a criação de uma moeda única para todo o Mercosul.