Argentina espera receber US$ 3,8 bi para mineração em 2014

Dinheiro dará início a novos projetos, será usado para continuar e aprimorar os já existentes e prosseguir com a exploração, afirma governo

Buenos Aires, 8 dez (EFE).- A Argentina espera receber em 2014 investimentos de US$ 3,855 bilhões no setor de mineração, informaram neste domingo fontes oficiais.

‘No ano próximo, o setor de mineração investirá em nosso país mais de US$ 3,855 bilhões para iniciar a construção de novos projetos, continuar os existentes, otimizar a produção em projetos e prosseguir com a exploração’, disse o secretário de Mineração da Argentina, Jorge Mayoral.

Em entrevista divulgadas hoje pelo portal do governo argentino, Mayoral disse que o setor ‘continuará crescendo de forma sustentada e que 2014 será um ano de novo recorde de investimento’.

O secretário afirmou que, em uma década, os projetos de mineração na Argentina aumentaram de 18 para 700, e que o número de postos de trabalho no setor passou de 79 mil para os atuais 500 mil.

Além disso, ele declarou que enquanto em 2003 as exportações no setor eram de 2,9 bilhões de pesos (US$ 465 milhões) e o investimento era ‘nulo’, neste ano as exportações fecharão em 30 bilhões de pesos (US$ 4,8 bilhões), e os investimentos, em 18 bilhões de pesos (US$ 2,89 bilhões).

Segundo Mayroal, as tarefas de exploração realizadas ‘permitem quantificar e qualificar reservas minerais que põem a Argentina como um dos grandes reservatórios de cobre, ouro, prata e lítio do mundo’. EFE