Argentina pediu um terço dos US$ 50 bi após FMI aprovar empréstimo

A Argentina pediu que um terço do empréstimo do FMI, cerca de US$ 7,5 bilhões, assim que o conselho executivo aprovar o pacote

São Paulo – A Argentina pediu que um terço do empréstimo de US$ 50 bilhões do Fundo Monetário Internacional (FMI) seja desembolsado pela instituição na sequência da aprovação do pacote pelo seu conselho executivo, afirmou nesta quarta-feira a diretora-gerente do FMI, Christine Lagarde. As autoridades do país solicitaram também “que metade desse montante (US$ 7,5 bilhões) fosse disponibilizado para suporte orçamentário”, acrescentou a francesa em comunicado à imprensa.

Lagarde informou que, “com as garantias formais fornecidas pelo governo argentino”, o conselho executivo do FMI avaliará formalmente o pedido de empréstimo da Argentina em 20 de junho. “Esperamos ajudar a fortalecer a economia argentina por meio desse pacote de financiamento”, comentou a diretora.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s