Alemanha: PMI preliminar de maio cai para 49,6

Foi a primeira baixa em seis meses, sob o peso de uma forte queda no setor manufatureiro

Londres – O Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês) da Alemanha, medido pela Markit Economics, apresentou contração na leitura preliminar de maio. Foi a primeira baixa em seis meses, sob o peso de uma forte queda no setor manufatureiro, informou hoje a empresa de pesquisas econômicas. A estimativa preliminar do PMI composto – que mede a produção de todo o setor privado – caiu para 49,6 em maio, ante 50,5 em abril.

Uma leitura acima de 50,0 indica que o setor está em expansão, enquanto uma leitura abaixo disso revela que ele está se contraindo.

O PMI manufatureiro recuou para 45,0 em maio – a maior baixa em quase três anos -, de 46,2 em abril, enquanto o PMI de serviços manteve-se inalterado, no comparativo entre os meses, em 52,2. O resultado destoou da consulta feita pela Dow Jones com economistas, que estimavam uma alta para 47,0 do PMI de produção e uma baixa para 52,0 do PMI de serviços. As informações são da Dow Jones.