Alemanha: perdão à dívida grega é uma ‘oportunidade histórica’

Para o país, agora é preciso esperar a análise da troika, formada pela Comissão Europeia, o Banco Central Europeu e o Fundo Monetário Internacional, sobre a dívida

Berlim – A alta participação dos credores privados no perdão da dívida grega representa ‘uma oportunidade histórica’ para o país heleno, segundo o governo alemão.

Um porta-voz do Ministério das Finanças germânico ressaltou nesta sexta-feira a satisfação do governo de Angela Merkel pela ‘elevada participação voluntária do setor privado na estabilização da Grécia’.

A elevada parcela de participação é ‘um grande passo no caminho da estabilização e consolidação rumo a uma capacidade sustentada do endividamento da Grécia’, acrescentou.

Por fim, o porta-voz ministerial assinalou que agora é preciso esperar a análise da troika, formada pela Comissão Europeia, o Banco Central Europeu e o Fundo Monetário Internacional, para saber se o perdão é suficiente para cumprir as condições ditadas pelo Eurogrupo para conceder mais ajuda à Grécia.