Acordo sobre produção de petróleo está próximo, diz Putin

Segundo a agência, Putin falou após uma reunião com representantes do setor e garantiu que um acordo internacional está perto

São Paulo – O presidente da Rússia, Vladimir Putin, afirmou nesta terça-feira que companhias russas concordam com a ideia de congelar a produção de petróleo em determinado nível, como Moscou busca combinar com seus parceiros internacionais, informou a agência de notícias russa Tass em seu site.

Segundo a agência, Putin falou após uma reunião com representantes do setor e garantiu que um acordo internacional está perto.

Putin disse que o ministro da Energia russo, Alexander Novak, conduz negociações sobre o congelamento da produção e “praticamente chegou a um acordo com parceiros no mercado global”.

O presidente russo afirmou que os parceiros concordam com esse congelamento. “Alguns têm propostas ainda mais radicais.”

De acordo com a Tass, Putin avaliou que o mercado da commodity reage atualmente tanto a fundamentos, como a desaceleração do crescimento, como também a especulações.

O presidente comprometeu-se a trabalhar pela estabilidade e pelo desenvolvimento sustentável no mercado de petróleo.

“Nossa tarefa é preservar a estabilidade da indústria de petróleo russa, garantir seu desenvolvimento sustentável e a implementação de projetos de longo prazo”, afirmou a autoridade.