Inseto é batizado em homenagem a Greta Thunberg

O pequeno besouro tem menos de um milímetro de comprimento e não tem olhos ou asas

Um pequeno besouro cor de mel foi batizado de Greta Thunberg pelo entomologista que o descobriu, em homenagem à jovem ativista sueca, anunciou nesta sexta-feira (25), o Museu de Ciências Naturais de Londres.

“Escolhi esse nome porque estou impressionado com o trabalho da jovem militante e gostaria de prestar homenagem à sua contribuição excepcional às questões ambientais”, disse Michael Darby, que descobriu o pequeno inseto entre os 22 milhões de espécies da coleção do museu de Londres.

“Nelloptodes greate” tem menos de um milímetro de comprimento e não tem olhos ou asas. Foi recolhido em Nairóbi nos anos 1960, informou o museu em comunicado.

“É totalmente apropriado que a descoberta mais recente seja batizada com o nome de alguém que luta para defender o mundo natural e proteger espécies vulneráveis”, disse Max Barclay, responsável pela coleta de besouros.

O especialista explicou que ainda existem centenas de espécies por descobrir na vasta coleção do museu e no mundo, incluindo algumas que desapareceram antes de serem classificadas, devido à perda de biodiversidade.