Relojoaria lança relógio com fóssil de osso de dinossauro

A Louis Moinet acaba de apresentar um modelo que possui seu mostrador equipado com um osso fossilizado de dinossauro

São Paulo – Para quem achou que a busca pelo inimaginável em relógios tinha chegado ao fim, com os mais diversos modelos recentemente apresentados, se engana.

A Louis Moinet acaba de apresentar um modelo que possui seu mostrador equipado com um osso fossilizado de dinossauro, com nada menos que 150 milhões de anos de idade.

Descrito por especialistas como excepcional, o fóssil foi beneficiado pelo conhecimento artesanal dos trabalhadores da relojoaria, que realizaram o corte e o tratamento do material, para que ele fosse protegido e conservado.

O osso foi descoberto na América do Norte e recebeu certificação pelo geólogo Dr. Andreas Stucki e pelo Museu do Dinossauro Aathal, na Suíça. O animal pertencia à família dos grandes herbívoros, a qual também faz parte o diplodoco, conhecido por seu grande pescoço e rabo.

O relógio que carrega esta preciosidade jurássica é o modelo Mecanograph, vencedor da competição internacional de cronometria por sua altíssima precisão como relógio mecânico.

O calibre automático LM34, fabricado pela própria relojoaria, pela primeira vez, apresenta uma janela de data na posição de 3 horas.

A peça apresenta horas e minutos centrais e pequenos segundos na posição de 9 horas. Os ponteiros são revestidos em ouro rosa, enquanto a região dos pequenos segundos possui decoração em guilloché Clous de Paris.

A caixa de ouro rosa possui 43,5 mm de diâmetro e seu verso de cristal de safira proporciona uma visão do movimento que o equipa. O acabamento do relógio é dado por uma pulseira de couro de crocodilo preta. Louis Moinet Jurassic Watch é limitado a apenas 12 unidades, mas seu valor comercial não foi divulgado.