Quem posta demais no Facebook só quer atenção, diz estudo

Estudo aponta que quem exagera nas postagens no Facebook geralmente está em busca de atenção e aceitação, mas termina ficando mal visto entre amigos

São Paulo – Sabe aquele amigo que posta coisas demais no Facebook? Ele pode só estar atrás de um ombro amigo. Pelo menos, é o que afirma um estudo desenvolvido pela psicóloga americana Gwendolyn Seidman.

Divulgada na publicação de Ciência Computers in Human Behavior, a pesquisa aponta que algumas pessoas acham que, no site, expressam melhor qualidades que não conseguem exibir normalmente.

Por isso, elas usam o Facebook para buscar mais atenção e maior aceitação social. Assim, elas se expõem mais emocionalmente em suas postagens. Porém, terminam sendo menos atentas às necessidades dos outros.

“Essa motivação egoísta pode ser aparente para seus amigos do Facebook, levando-os a não responder com a mesma atenção”, afirma a cientista.

Método

Para chegar a estas conclusões, Gwendolyn submeteu 184 universitários a um questionário online na primeira fase do estudo. Com este método, ela pôde verificar como as pessoas enxergavam seus amigos que postavam demais na rede social.

Num segundo momento, outros 41 universitários tiveram seus perfis no Facebook acompanhados pela cientista por um certo período. O monitoramento mostrou que aqueles que exageram nas postagens tendem a deixar mais mensagens em perfis alheios.

Porém, não recebem (nem postam) tantos recados em suas próprias páginas pessoais.

Este não é o primeiro estudo envolvendo o uso do Facebook pelos internautas. Em maio, uma pesquisa mostrou que usuários que interagem menos no site experimentam sentimentos negativos.