Quarta e quinta luas de Plutão recebem nomes

Corpos celestes se chamarão Kerberos e Styx, respectivamente, após votação popular online

Berlim – A quarta e a quinta lua de Plutão receberão oficialmente os nomes Kerberos e Styx, respectivamente, escolhidos por meio de votação popular online, informou nesta terça-feira a União Astronômica Internacional (IAU).

As luas, descobertas em 2011 e 2012, eram conhecidas como P4 e P5, mas o líder da equipe responsável pelo seu descobrimento, graças às observações do telescópio Hubble da Nasa, decidiu organizar um concurso para batizá-las.

A IAU costuma assessorar os pesquisadores no processo de nomenclatura de corpos celestiais, e se encarrega também de comprovar que as palavras escolhidas não causarão problemas e confusões de qualquer tipo relacionados aos diferentes idiomas e culturas.

Neste caso, para manter a coerência em relação aos nomes das outras luas de Plutão – Caronte, Nix e Hidra -, as opções disponíveis para voto estivam tinham a ver com a mitologia clássica.

Entre os nomes Vulcano, Cerberus e Styx que faziam parte da lista de favoritos, a equipe da IAU resolver excluir Vulcano e Cerberus após uma análise. O primeiro já se refere a um “planeta hipotético” situado entre Mercúrio e o sol, além de o termo “vulcanoide” estar associado a qualquer asteroide na órbita de Mercurio.

Já o nome Styx cumpria todos os requisitos, por se referir ao rio do submundo na mitologia grega.

A equipe da IAU também preferiu trocar Cerberus pela grafia grega Kerberos para evitar que fosse confundido com um asteroide chamado 1865 Cerberus.