Oklahoma State University oferece pós em Física e Fotônica

Os estudantes selecionados receberão apoio financeiro na forma de bolsas de ensino ou de pesquisa por no mínimo nove meses por ano, no valor de US$ 1.461 mensais

São Paulo – O Departamento de Física da Oklahoma State University (OSU), nos Estados Unidos, está à procura de candidatos qualificados para os programas de pós-graduação em <a href="https://exame.abril.com.br/topicos/fisica" target="_blank"><strong>Física</strong></a> e Fotônica.</p>

Os estudantes selecionados receberão oferta de apoio financeiro na forma de bolsas de ensino ou de pesquisa por no mínimo nove meses por ano, no valor de US$ 1.461 mensais, além de plano de saúde, e poderão buscar apoio financeiro para os três meses restantes de cada ano nos diferentes grupos de pesquisa.

O prazo para inscrições vai até 1º de março de 2013, mas o processo de seleção geralmente começa em fevereiro, dependendo do número de inscrições recebidas. As aulas começam em agosto de 2013.

Com 23 professores e 50 estudantes de pós-graduação, o Departamento de Física da OSU tem grupos de pesquisa nas áreas de Física de Altas Energias, Biofísica, Física Médica e das Radiações, Nanoestruturas e Matéria Condensada, Óptica e Fotônica.

Além de cursos de mestrado e doutorado em Física, a OSU também oferece doutorado em Fotônica e mestrado em Física com especialização em Física Médica ou Fotônica.

O programa de Fotônica é interdisciplinar, combinando cursos da Física e Engenharia Elétrica. Já o programa de Física Médica inclui cursos como Física da Radioterapia, Dosimetria e Proteção Radiológica e Radiobiologia.

Além do formulário próprio que pode ser obtido na página do departamento, a aplicação consiste no envio do currículo escolar, carta de intenções, cartas de recomendação e comprovante do Test Of English as a Foreign Language (TOEFL) – com mínimo de 79 pontos no iBT, 210 no “Computer Based Test” ou 550 no “Paper Based Test”.

O exame Graduate Record Examinations (GRE) não é obrigatório, mas é recomendado. A primeira etapa da aplicação, na qual é feita a seleção dos estudantes, é gratuita.