Nova lua é descoberta na órbita de Netuno

Telescópio Hubble captou a presença do 14º satélite em torno do gigante planeta gasoso em fotografias tiradas nos últimos anos

A agência aeroespacial norte-americana (NASA, na sigla em inglês) anunciou nesta segunda-feira a descoberta de mais uma lua na órbita de Netuno.

O telescópio espacial Hubble captou a presença do 14º satélite em torno do gigante planeta gasoso em fotografias tiradas nos últimos anos.

A nova lua, designada S/2004 N 1, tem apenas 19,3 quilômetros de diâmetro. Trata-se do menor satélite de que se tem conhecimento na órbita de Netuno.

A descoberta foi feita por Mark Showalter, do Instituto SETI. Ela estudava segmentos dos anéis ao redor de Netuno quando percebeu um ponto minúsculo a 105.250 quilômetros da superfície do planeta.

Showalter rastreou a movimentação do satélite em uma série de mais de 150 fotografias tiradas pelo Hubble entre 2004 e 2009.