Lago seca e revela ponte da dinastia Ming na China

Segundo especialistas, a ponte de granito foi construída há 400 anos durante a dinastia Ming

A redução do nível do maior lago de água doce da China revelou uma ponte histórica construída na época da dinastia Ming, informa a imprensa chinesa.

Os vestígios da ponte de 2.930 metros de comprimento surgiram nas margens do lago Poyang após a queda do nível de suas águas, com a redução das chuvas e o impacto ambiental provocado pela faraônica represa das Três Gargantas.

Segundo especialistas, a ponte, de granito, foi construída há 400 anos durante a dinastia Ming (1368-1644).

O imenso lago Poyang, na província central de Jiangxi, cobria uma superfície de 4.500 quilômetros quadrados.

Segundo uma reportagem do canal estatal CCTV exibida em novembro, o lago cobre agora menos de 1.500 km2, o que está acabando com a forma de vida das comunidades locais de pescadores e com a fauna e a flora do ecossistema.