Gato recebe patas biônicas no Reino Unido

O cirurgião veterinário britânico Noel Fitzpatrick desenhou próteses biônicas sob medida

Londres – Oscar, um gato britânico que perdeu as patas traseiras em um acidente, voltou a caminhar graças a duas próteses colocadas por um especialista, numa cirurgia apresentada nesta sexta-feira como uma revolução na medicina.

O felino de dois anos gastou uma de suas sete vidas há oito meses, quando foi surpreendido por uma colheitadeira enquanto tomava sol no campo.

Mas o cirurgião veterinário britânico Noel Fitzpatrick desenhou próteses biônicas sob medida e as colocou no gatinho numa operação de três horas de duração em novembro passado.

Desde então, o animal foi submetido a uma intensa reabilitação para reaprender a caminhar.

“Oscar pode agora correr e pular como os outros gatos”, explicou o dr. Fitzpatrick.

Kate Nolan, a dona do gato, explicou que ela e seu marido duvidaram, num primeiro momento, em submeter seu animalzinho de estimação à operação porque não sabiam se isso ofereceria a ele uma melhor qualidade de vida.