Equipe extrai tumor de mais de 1 quilo de menina de 3 anos na Suíça

Genebra - Um tumor de mais de um quilo e 17 centímetros de diâmetro foi extraído de uma menina de três anos em Zurique após uma cirurgia que durou mais de 12 horas,...

Genebra – Um tumor de mais de um quilo e 17 centímetros de diâmetro foi extraído de uma menina de três anos em Zurique após uma cirurgia que durou mais de 12 horas, informou nesta quarta-feira o Hospital Universitário e o Hospital Pediátrico desta cidade.

A menina, que sofria fortes dores de estômago havia vários meses, foi diagnosticada de um tumor que ocupava 90% de sua cavidade abdominal e já tinha afetado vários de seus órgãos.

“O estado da paciente era considerado sem esperanças. Os especialistas previam que ela teria apenas mais algumas semanas de vida. A única solução era operar”, disseram os especialistas médicos.

As fontes hospitalares manifestaram ainda que uma operação desse tipo não havia sido feita nunca antes em uma criança.

A intervenção, considerada de alto risco, foi feita por uma equipe pelos cirurgiões Martin Meuli, chefe de cirurgia do Hospital Pediátrico, e Pierre-Alain Clavien, cirurgião especializado em estômago que já havia feito operações semelhantes em adultos.

Para extrair o tumor, os médicos precisaram retirar vários órgãos da menina, que posteriormente precisaram ser reimplantados no corpo.

A menina superou bem a operação, mas o risco de reincidência não está excluído, segundo os médicos.

“Como se trata de uma forma de tumor raro, os oncologistas não podem fazer uma previsão certa. A criança precisará se submeter a radioterapia e seguir controles médicos de forma regular”, explicou.