2 exercícios eficientes para treinar leitura dinâmica

Especialista ensina dois exercícios para treinar leitura dinâmica e conseguir estudar mais em menos tempo

São Paulo – Correndo atrás do tempo, ponteiros rodeiam o centro do relógio enquanto o pensamento desfocado também dá  lá as suas voltas e vai levando a atenção para longe dos livros e apostilas. Efeito colateral de longas jornadas de estudos, a baixa concentração é reclamação constante entre estudantes e concurseiros, segundo Felipe Lima especialista em memorização e coach da SouGenius.

Algumas ações simples podem reverter o cenário, diz Lima. Estudar ouvindo músicas que estimulem a concentração, em volume baixo, é uma delas. Melhorar a postura também ajuda. Sentar-se de forma inadequada, com as costas curvas e forçando o pescoço pode provocar sono, prejuízos à atenção e até lesões musculares e na coluna, diz Lima.

Resolver exercícios antes mesmo de assistir a uma aula ou ler a teoria é outra maneira de estimular a concentração. Lima recomenda a estudantes que respondam de 5 a 10 questões sobre um assunto antes de começar a estudá-lo. Deixar de fazer intervalos é uma armadilha, de acordo com ele. O momento da pausa não é algo fixo e vai depender do nível de fadiga e desgaste mental. Pare quando cansar, faça uma breve pausa e retome com mais energia, diz.

Estes hábitos somados ao treinamento de leitura dinâmica que ele indica vão melhorar o rendimento nos estudos. Confira:

8 minutos diários de treinamento

Oito minutos já trazem resultados ligados à compreensão, concentração e velocidade de leitura. Mas, o treino precisa ser diário. É possível até treinar mais tempo, por 30 minutos ao dia, dividindo-os em ciclos de 10 minutos, diz.

A indicação é dividir o tempo dedicado ao treino para realizar dois exercícios, alternadamente.

1. EMO: exercício da musculatura ocular

Erga os dedos das mãos na altura dos olhos, dando 30 centímetros de distância entre uma mão e outra. Você pode segurar um livro entre as mãos apenas para servir como régua e distanciar adequadamente as suas mãos, indica.

Baixe gratuitamente os toques do metrônomo disponíveis no site da Sou Genius para começar o treino. A cada toque, olhe para a ponta de um dos dedos. Simples assim. Use toques cada vez mais rápidos quando sentir facilidade o realizar os exercícios, diz. Os toques são apenas recursos para ditar o ritmo da prática do EMO e não são indicados para estudar.

2. EO1: exercício ocular um

O material deste exercício é uma folha com 80 palavras distribuídas em uma tabela de 20 linhas e quatro colunas. Levante-a até que a parte de cima fique à altura dos olhos. Ao toque do metrônomo, tente ler as quatro palavras de cada coluna na primeira linha da tabela.

Com o segundo toque desça o olhar para a linha debaixo e prepare-se para ler as quatro próximas palavras assim que o próximo soar. Note que no início você não vai conseguir ler as quatro palavras de cada linha, mas com o treinamento haverá evolução e você vai conseguir ler cada vez mais palavras, diz Lima.

Os resultados, segundo o especialista, serão notáveis com a prática diária destes dois exercícios. Veja uma aula gratuita de Felipe Lima no Youtube: