Você sabe qual o truque para tirar nota máxima em qualquer redação?

Se você acha que basta elaborar uma introdução, desenvolvimento, conclusão para mandar bem na redação está enganado

1. Qual é o macete para se tirar a nota máxima em Redação?

É o mesmo macete para executar com perfeição os acordes e frases em um piano: dedicar-se diariamente, enfrentando os medos, conjugando bem teoria e prática. Tendo a companhia técnica de um professor e de um curso, menos difícil será.

As melhores produções textuais não advêm apenas do simples processo de” introdução, desenvolvimento, conclusão”: são reflexos de um bom repertório cultural; são respeitosas às normas previstas no Edital; são escritas em acordo ao padrão da Língua; têm clareza na informação e convencem.

2. Como ter um bom repertório cultural?

É saber retirar lição, aprendizado das exposições de cada aula, de cada dia. Se possível, sempre reflita sobre como aquele determinado episódio transformou sua mente.

Depois da colheita de informação com qualidade, é escrever e reescrever o pensamento, a doutrina, o exemplo histórico, a vertente literária.

Com tal informação em mente, é preciso ser sensato diante do tema, tendo cuidado com o excesso nos parágrafos, por exemplo.

3. Não há milagre: há trabalho.

Examinadores escolhem temas diante de polêmicas sociais, leis importantes, eventos históricos ou pensamentos que afligem (guiam) a mente humana.

Comece aos poucos: escreva sobre o simples; peça ajuda; reescreva, exponha um pensamento crítico nas mídias sociais, com o cuidado de não ofender.

Após um mês de dedicação, aulas e produção, seu texto já passará ao leitor – no mínimo – a vontade de informar e convencer.

4. Edital e Gramática

Estude com muito, muito afinco o edital de seu processo seletivo. Lá estão as regras para a produção do texto.

Ademais, nunca deixe de estudar a Gramática Normativa de nossa Língua: colocação pronominal, concordância, regência, acentuação, conjugação verbal, elementos de coesão.

O maior macete dos bons escritores, dos bons profissionais, é encontrar na luta diária amor ao que se faz. E – quando se ama – não há outro resultado diferente da felicidade.

Ame a nossa Língua Portuguesa! Vale a pena.

Um abraço, até a próxima e inscreva-se no meu canal!

Diogo Arrais
http://www.ARRAISCURSOS.com.br
YouTube: MesmaLíngua
Autor Gramatical pela Editora Saraiva
Professor de Língua Portuguesa