Universidade na Austrália abre inscrição para bolsas de R$ 75 mil por ano

Os candidatos selecionados poderão cursar um programa de mestrado ou doutorado de sua escolha na universidade sem custos

A Universidade de Adelaide, na Austrália, está recebendo inscrições para seu programa Adelaide Scholarships International (ASI).

O programa de bolsas de pós-graduação na Austrália tem o objetivo de trazer pesquisadores de alto potencial para áreas nas quais a universidade tem tradição em pesquisa. As inscrições vão até 30 de abril.

Os candidatos selecionados poderão cursar um programa de mestrado (com dois anos de duração) ou doutorado (três anos) de sua escolha na universidade sem custos.

Além disso, receberão uma ajuda de custo anual no valor de AUS$ 27.596 (equivalentes a cerca de R$ 75.936,37 na cotação atual) e seguro de saúdem este último item apenas caso sejam detentores de vistos de estudante. A bolsa não cobre os custos de emissão de visto de estudante, no entanto.

Quem pode se candidatar?

Alunos que já tenham concluído a graduação mas ainda não tenham feito mestrado ainda podem se candidatar às bolsas de mestrado. Caso já tenham concluído o mestrado, podem se candidatar às bolsas de doutorado, mas não podem se candidatar a outro programa de mestrado na instituição.

De acordo com as diretrizes da universidade, o principal critério para seleção dos bolsistas será o mérito acadêmico; atividades extracurriculares não serão avaliadas. Portanto, a bolsa é voltada para candidatos que consigam demonstrar forte desempenho acadêmico e experiência de pesquisa em suas áreas de atuação.

Como se candidatar

O processo de candidatura pode ser iniciado por aqui. Candidatos que se adequam aos critérios de eligibilidade devem começar buscando um supervisor na Universidade de Adelaide. Caso o candidato não conheça ninguém, pode solicitar um supervisor por meio deste formulário.

Como parte do processo, o candidato deverá fornecer cópias em inglês de seu diploma de título mais elevado, CV, histórico acadêmico e proposta de pesquisa de acordo com o modelo disponível neste link.

Também será necessário comprovar cidadania (o que pode ser feito com cópia do começo do passaporte) e proficiência em inglês por meio dos certificados IELTS, TOEFL, PTE ou CAE. As notas mínimas de cada prova podem ser vistas aqui.

As inscrições ficam abertas até o dia 30 de abril, e as matrículas ficarão abertas até 30 de novembro para os bolsistas escolhidos. Vale notar, porém que a Universidade de Adelaide deve abrir outra rodada de candidaturas por volta de junho; assim, se você perder esse prazo, fique esperto que outra chance deve aparecer em breve.

Este artigo foi originalmente publicado pelo Estudar Fora, portal da Fundação Estudar