Salário das mulheres sobe 2,17% no 1º semestre, segundo Caged

Entre os trabalhadores contratados, o salário das mulheres foi 2,17% maior no semestre passado em relação ao intervalo de janeiro a junho de 2013

As mulheres contratadas no País no primeiro semestre recebem salários maiores que o homens, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado nesta quinta-feira, 17, pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), que registrou a criação de 588.671 vagas de janeiro a junho.

Entre os trabalhadores contratados, o salário das mulheres foi 2,17% maior no semestre passado em relação ao intervalo de janeiro a junho de 2013. O salário dos homens cresceu 1,81%.

Na média geral, o aumento do foi de 1,84% na comparação dos semestres. Os salários médios subiram de R$ 1.152,73, em 2013, para R$ 1.173,90.