Os novos talentos do mundo todo querem trabalhar nestas empresas

Qual a empresa dos sonhos dos jovens? Pesquisa com universitários de 12 países, incluindo o Brasil, mostra os empregadores mais atraentes

São Paulo – Em um ponto a maioria dos universitários do mundo concordam: o Google é a empresa mais atraente para trabalhar após a graduação.

É o que mostra a pesquisa da Universum com 228.910 alunos de cursos de Engenharia, Negócios e Tecnologia da Informação do Brasil, Estados Unidos, China, Canadá, França, Alemanha, Índia, Itália, Japão, Rússia, Coreia do Sul e Reino Unido. A empresa de tecnologia ficou em primeiro lugar no ranking de 50 empresas da décima edição do relatório “World’s Most Attractive Employers”.

Quando questionados sobre as empresas que mais admiravam, os jovens indicaram as marcas empregadoras de acordo com suas preferências para as futuras decisões de carreira quando saírem da universidade.

Segundo a pesquisa, os jovens valorizam o equilíbrio entre vida pessoal e trabalho, com uma tendência maior para empregadores que oferecem flexibilidade de horários. A nova geração que chegará ao mercado também valoriza um ambiente mais dinâmico e inovador no escritório, com maior chance de desenvolvimento e treinamento pessoal.

No Brasil, o equilíbrio de vida e trabalho como a maior prioridade de carreira. Entre jovens de todos os países, 55% dos entrevistados de negócios e 54% de engenharia/TI optaram por esse objetivo. Estabilidade e segurança no trabalho aparece em segundo lugar para o Brasil e no ranking geral.

Veja o ranking das 50 empresas mais atraentes para novos talentos:

Estudantes de Negócios Estudantes de Engenharia/TI
1 Google Google
2 Goldman Sachs Microsoft
3 EY (Ernst & Young) Apple
4 Deloitte BMW Group
5 KPMG Intel
6 PwC (PricewaterhouseCoopers) General Electrics (GE)
7 Apple IBM
8 J.P. Morgan Siemens
9 McKinsey & Company Samsung
10 Microsoft Amazon
11 The Boston Consulting Group (BCG) Sony
12 L’Oréal Group Ford Motor Company
13 Amazon McKinsey & Company
14 Morgan Stanley Johnson & Johnson
15 adidas Procter & Gamble (P&G)
16 Procter & Gamble (P&G) Daimler/Mercedes-Benz
17 BMW Group The Coca-Cola Company
18 Nike General Motors
19 The Coca-Cola Company L’Oréal Group
20 Bain & Company Volkswagen Group
21 Bank of America Merrill Lynch Goldman Sachs
22 IBM The Boston Consulting Group (BCG)
23 Deutsche Bank Facebook
24 Sony Toyota
25 IKEA Dell
26 Accenture adidas
27 Unilever Shell
28 Johnson & Johnson Deloitte
29 Citi Nestlé
30 LVMH Moët Hennessy Louis Vuitton IKEA
31 Nestlé Unilever
32 Facebook Accenture
33 Grant Thornton ExxonMobil
34 Barclays Volvo Car Corporation
35 Daimler/Mercedes Benz J.P. Morgan
36 HSBC Nissan
37 Credit Suisse EY (Ernst & Young)
38 PepsiCo 3M
39 HEINEKEN Pfizer
40 Volkswagen Group Huawei
41 AB InBev PwC (PricewaterhouseCoopers)
42 General Electrics (GE) Bosch
43 UBS Bayer
44 Samsung BASF
45 Dell BP
46 Intel Lenovo
47 Toyota Oracle
48 Ford Motor Company Cisco Systems
49 Oracle Novartis
50 General Motors PepsiCo