Os diplomas universitários que podem deixar você rico nos EUA

Se você pretende fazer carreira nos Estados Unidos e a remuneração está no topo das suas prioridades, é bom gostar de matemática

São Paulo — A busca pela profissão certa é uma equação cheia de variáveis. É necessário levar em conta fatores subjetivos, como propósito, sentido de missão e gosto pela área, mas também elementos mais objetivos, como aptidão, empregabilidade e, claro, salário.

Se você pretende fazer carreira nos Estados Unidos e a remuneração está no topo das suas prioridades, é bom gostar de matemática. Pelo menos é o que sugere um novo estudo da consultoria PayScale sobre os diplomas que rendem os melhores salários a curto e médio prazo no mercado norte-americano.

Engenharia de petróleo e matemática atuarial estão no topo da lista, com média salarial de 7,8 mil e 4,7 mil dólares mensais para recém-formados, respectivamente, e 14,6 mil e 10,9 mil dólares por mês para graduados há no mínimo 10 anos.

O ranking dos 10 cursos com melhores recompensas financeiras nos Estados Unidos é inteiramente composto por carreiras de exatas ou bioexatas. Claro que isso não significa que as carreiras de humanas, ciências sociais ou artes não valham a pena; elas apenas demoram mais tempo para render altos salários no mercado norte-americano.

Mas, se você tem pressa para ganhar dinheiro trabalhando nos Estados Unidos, vale a pena considerar as profissões abaixo, que têm os melhores salários iniciais segundo o estudo da PayScale. Confira: