Os 13 cargos mais promissores do 1º semestre com salários de até R$ 45 mil

Levantamento exclusivo do PageGroup mostra os profissionais mais procurados de áreas como Marketing, Tecnologia, Logística, Finanças e outras

São Paulo – Ainda esperando a recuperação da economia brasileira e a votação da Reforma da Previdência, no primeiro semestre de 2019, as empresas concentraram esforços em áreas diretamente ligadas a aumentar sua receita.

E nas contratações, elas procuraram profissionais que poderiam apresentar resultados rápidos.

Essa é a leitura de Ricardo Basaglia, diretor geral da Michael Page e Page Personnel, diante dos resultados do levantamento do PageGroup sobre as profissões mais demandadas no ano até o momento.

“Antes o foco estava na busca de competências, agora vemos que o foco está em atender expectativas de curto prazo do negócio. Nesse momento, as empresas procuram pessoas que possam começar a entregar resultados rapidamente. Para isso, elas priorizam aqueles com perfil orientado para resultados e com fácil adaptação”, comenta ele.

Assim, profissionais qualificados para operações comerciais e executivos mais experientes foram muito valorizados pelo mercado no período. A pesquisa foi feita por consultores de carreira e considera cargos de média e alta gerência e de nível técnico e suporte à gestão. Foram entrevistados cerca de 6 mil profissionais de todo o Brasil.

Para Basaglia, a maior dica aos que buscam recolocação e novas oportunidades é mostrar sua capacidade de protagonismo aos recrutadores.

“Inverter o processo da seleção pode ajudar os profissionais nesse momento. Em vez de mostrar toda sua experiência, procure entender quais as necessidades da empresa primeiro e observar onde pode contribuir. Na entrevista, o profissional pode direcionar a conversa sobre suas experiências e conquistas para transparecer uma forma como ajudará nos resultados da empresa”, diz ele.

Confira a lista de cargos mais procurados no primeiro semestre de 2019:

Recursos Humanos

Cargo: parceiro de negócios sênior (business partner)

O que faz: Influencia a liderança para as decisões estratégicas com relação às pessoas e melhores práticas de RH, garantindo a sua aplicação para a necessidade específica do cliente interno. Ele mantém a conformidade dos processos em temas de desenvolvimento de carreira, reconhecimento e recompensa.

Perfil: Experiência para influenciar os executivos do negócio. Habilidade de influência, visão estratégica, comunicação efetiva e conhecimento de negócio.

Salário: 25 mil a 35 mil reais

Motivo para alta em 2019: com o mercado voltando a crescer, é a posição essencial para assegurar que a empresa siga as melhores estratégias.

Saúde

Cargo: representante/gerente de vendas

O que faz: prospecção de potenciais clientes e parceiros, gera demanda e ações promocionais, acompanha a performance e desenvolve a força de vendas, estabelece planos de visitas, realiza análise de concorrentes, estudo de mercado, levantamento de resultados de vendas e demanda, participa de convenções e congressos, desenvolve relacionamento no mercado público e privado.

Perfil: desejável formação ou especialização em negócios, marketing, comercial ou negociação. Em algumas empresas, conhecimentos de idiomas estrangeiros são desejáveis para estabelecer contatos e relacionamentos com o mercado

Salário: para representante, de 5 mil a 8 mil  reais (com variável). Para o gerente, de 16 mil a 25 mil reais (com variável)

Motivo para alta em 2019: peça-chave nas definições de planos táticos e estratégicos comerciais da companhia para o atingimento das metas, aumento nos resultados de vendas e engajamento da equipe comercial.

Cargo: gerente de qualidade

O que faz: responsável por implantar o sistema de “Boas Práticas de Fabricação”, preparar a empresa e os colaboradores para auditorias internas e externas. Revisão, preparação e aprovação de procedimentos, tratamento de não-conformidades e controle de mudanças, qualificação de fornecedores e suporte ao departamento de Controle de Qualidade.

Perfil: graduação em Farmácia, com pós-graduação ou especialização sendo considerado um diferencial. Idioma estrangeiros desejável de acordo com a necessidade da empresa.

Salário: de 17 mil a 25 mil reais, com possível bônus anual, carro, plano de previdência e pacote de benefícios

Motivo para alta em 2019: os órgãos regulamentadores, como a ANVISA, estão cada vez mais exigentes para liberação de produtos e serviços, é necessário ter a pessoa certa nesta cadeira para ter controle de todos os processos de boas práticas de fabricação, deixar o processo de qualidade 100% correto e assim não ter impacto em outras áreas ou no principal ponto que é o registro e venda dos produtos.

Vendas

Cargo: gerente nacional de vendas

O que faz: capacidade de gerenciamento de equipe e de processos, garantir volume de vendas nos clientes, estar junto ao time em campo para contas chaves, ser responsável pela área de perdas e lucros (P&L) de ponta a ponta.

Perfil: conhecimentos nos principais canais de venda, gestão de equipe, idiomas, visão sistêmica e estratégica do negócio.

Salário: R$ 20 mil a R$ 30 mil reais (com variável e PLR)

Motivo para alta em 2019: muitas empresas mudaram diretorias e cargos de liderança, passando a ajustar a base desde o topo até cargos de entrada.

Marketing

Cargo: gerente de produtos (Bens de Consumo)

O que faz: gestão do portfólio da empresa, desde a concepção até o lançamento do produto no mercado. Viabiliza toda a estratégia para que o produto tenha sucesso no mercado, cuidando da embalagem, precificação, público-alvo, campanhas e materiais para o ponto de venda.

Perfil: desejável experiência com desenvolvimento de produtos, campanhas de marketing e trade marketing.

Salário: 16 mil a 20 mil reais (com variável)

Motivo para alta em 2019: o varejo começa a sentir uma retomada e as empresas estão reposicionando seu portfólio para garantir presença no mercado.

Tecnologia

Cargo: engenheiro de software

O que faz: desenvolvimento e arquitetura de software, web e mobile.

Perfil: desenvolvimento de aplicações web (backend ou frontend) e mobile (android ou ios) por meio de diversas linguagens de programação, frameworks e banco de dados. Em muitas posições, são os responsáveis também pelo desenho da arquitetura e da definição das tecnologias a serem utilizadas.

Salário: 12 mil a 15 mil reais

Motivo para alta em 2019: o mercado está passando por um aquecimento dessas posições devido aos projetos de transformação digital em diversos setores e também pelo crescimento das startups.

Propriedade e Construção

Cargo: gerente/diretor novos negócios

O que faz: prospecção de novos negócios para a empresa, negociação e busca por terrenos, estudo de viabilidade econômica, especialista em aprovação, legalização, regulamentação, gestão de equipe. Participa de convenções e congressos, desenvolve relacionamento nos mercados público e privado.

Perfil: desejável formação ou especialização em engenharia, negócios ou negociação. Pode ser necessário ter conhecimento de idiomas estrangeiros. Perfil estratégico com relacionamento com rede de corretores e vendedores.

Salários: para gerente, de 15 mil a 25 mil reais (com variável). Para diretor, de 25 mil a 40 mil reais (com variável)

Motivo para alta em 2019: peça-chave para aquisições nas incorporadoras e construtoras, gerando oportunidade de novos negócios e player fundamental nas definições de planos táticos e estratégicos da companhia para atingir as metas e aumentar os resultados.

Cargo: gerente/diretor comercial ou vendas

O que faz: prospecção de potenciais clientes e parceiros, gera demanda e ações promocionais, acompanha o desempenho e desenvolve a força de vendas, estabelece planos de visitas, realiza análise de concorrentes, estudo de mercado, levantamento de resultados de vendas e demanda, participa de convenções e congressos, desenvolve relacionamento nos mercados público e privado.

Perfil: desejável formação ou especialização em engenharia, negócios, marketing, comercial ou negociação; experiência prévia no mercado de Real Estate e pode precisar de conhecimento de idiomas estrangeiros

Salário: de 20 mil a 30 mil reais (com variável)

Motivo para alta em 2019: as Incorporadoras têm estruturado cada vez mais as operações para não depender das imobiliárias e corretoras, oferecendo pacote mais atrativo e treinamentos.

Logística

Cargo: gerente de compras

O que faz: é o profissional responsável por gerenciar o setor de compras, efetuar contato com fornecedores e clientes. Um gerente de Compras apresenta propostas, assegura o cumprimento dos prazos, verificar a demanda das áreas para efetuar os processos de compras, sendo o principal responsável pelos gastos da empresa.

Perfil: diariamente planeja, coordena e supervisiona a compra de serviços e mercadorias compreendendo desde a identificação dos fornecedores, cotação de preços e demais condições de fornecimento até a emissão dos pedidos e recebimento do material.

Salários: de 14 mil a 25 mil reais (com variável)

Motivo para alta em 2019: o departamento de compras é responsável por 70% dos gastos de toda organização. E cada real economizado em compras é um real a mais de lucro para a empresa. Em momentos de crise, o profissional de compras pode fazer toda diferença dentro da organização para alocar melhor os recursos da empresa.

Finanças

Cargo: diretor financeiro

O que faz: gestão da estrutura de finanças, contabilidade e impostos da empresa. Além disso, responsabilidades como gestão de riscos, auditoria, controles internos também podem ficar com esse profissional nas empresas.

Perfil: formação e experiência técnica dentro de alguma das estruturas de finanças, além de alta capacidade de gestão de pessoas.

Salário: 30 mil a 45 mil reais

Motivo para alta em 2019: primeira linha de defesa e compliance da empresa – fundamental para momentos de crise ou crescimento, visando um futuro sustentável da empresa. Além disso, passou a ter um papel estratégico e de negócios dentro da empresa.

Cargo: gerente de planejamento financeiro (FP&A)

O que faz: construção do orçamento anual das áreas, acompanhamento do P&L de cada uma delas, suporte direto ao negócio para tomada de decisões assertivas e inteligentes, visando não só crescimento, mas também lucro.

Perfil: capacidade técnica de análise financeira, mas entendimento do negócio acima de tudo.

Salário: 15 mil a 25 mil reais

Motivo para alta em 2019: esse perfil se tornou um parceiro do negócio nos últimos anos, capaz de olhar para a complexidade do negócio e os resultados financeiros que essas ações irão trazer. Com isso, tornou-se um fator decisivo na construção e lucratividade das empresas.

Bancário e serviços Financeiros

Cargo: analista de fusões e aquisições

O que faz: análise novas oportunidades de negócio para empresas, seja dentro de um fundo de investimentos, um banco ou uma outra empresa. Esse profissional avalia a oportunidade de negócio a ser realizada, a recomenda como um bom investimento ou não e auxilia no desenrolar da compra/ aquisição da empresa.

Perfil: competência de enxergar potencial de negócio é o grande diferencial desse profissional.

Salário: a partir de R$ 7 mil (para posições gerenciais ou de associado, os valores podem variar)

Motivo para alta em 2019: o mercado sentiu a retomada do Brasil em 2018 e neste ano tem sido ainda mais movimentado para novas compras e aquisições. Esse profissional é fundamental para que empresas façam bons negócios.

Cargo: analista ou gerente de produtos

O que faz: desenvolve novos produtos ou áreas de atuação da empresa, além de auxiliar a refinar e melhorar os existentes.

Perfil: capacidade de avaliação e teste de novos produtos, leitura e dinâmica de inteligência de mercado.

Salário: 8 mil a 20 mil reais

Motivo para alta em 2019: com a inovação em serviços financeiros e surgimento de novas vertentes de negócios, esse profissional se tornou fundamental para o desenvolvimento de novas empresas.

 Assine a newsletter da VOCÊ S/A e da VOCÊ RH