O vale-refeição aumentou três vezes mais que a inflação

Almoçar fora ficou mais caro. O preço da refeição completa teve aumento três vezes superior ao índice da inflação nos últimos 12 meses

São Paulo No último ano, o vale-refeição do trabalhador brasileiro perdeu valor na hora de pagar a conta no caixa do restaurante. O preço do almoço completo está 18% mais caro em relação ao ano passado. Prato principal, bebida, sobremesa e cafezinho saem, em média, por 26,78 reais, ante 22 reais há 12 meses.

A alta é três vezes maior do que a inflação do período, medida pelo IPCA, que foi de 5,91% em 2010. Os números acima constam de um estudo, ainda não divulgado, realizado pelo Instituto Datafolha a pedido da CBSS, operadora de cartões eletrônicos de refeição e alimentação.

Para compor a média nacional de quanto se gasta por almoço, a CBSS considerou os preços praticados em 4.000 restaurantes, de 19 capitais, que trabalham com menu à la carte, prato comercial, prato executivo e self-service. 

O estudo também mostra que o valor oferecido pelas empresas no Brasil a título de vale-refeição está defasado em relação ao preço cobrado pelo almoço. No Sudeste, os funcionários que contam com o benefício têm tíquete médio no valor de 12,63 reais — acima da média nacional, de 12,33. Porém, o preço do prato principal mais a bebida é de 20 reais.

O trabalhador em pior situação é o nordestino, que tem de desembolsar dois tíquetes para cada almoço. No Nordeste, o vale médio do trabalhador com direito ao benefício de alimentação é de 9 reais, e o almoço sai por 18 reais, aponta o levantamento da CBSS e Datafolha. Não admira que muitos profissionais se queixem da dificuldade que têm em fazer o talão chegar ao fim do mês. 

Café amargo

Veja abaixo alguns números que mostram que o vale-refeição, corrigido pela inflação, perdeu valor na hora de acertar a conta no restaurante

R$ 26,78 é o preço médio da refeição completa (prato principal, bebida, sobremesa e café), valor que teve alta de 18% em relação a 2010 e três vezes acima do IPCA


R$ 2,34 é quanto sai o cafezinho, item que teve a segunda maior alta (16%) em relação a 2010. O prato principal teve aumento superior, de 21% 

Despesa por região

Veja abaixo o preço médio do almoço completo por região:

Região Valor
Sul R$ 24
Nordeste R$ 25
Norte/Centro-Oeste R$ 27,15
Sudeste R$ 27,45

As cidades mais caras são…

Rio de Janeiro R$ 31
Brasília R$ 30
São Paulo R$ 29
Barueri R$ 28

E as mais baratas…

Contagem R$ 18
Uberlândia R$ 21
Osasco R$ 22
Barueri R$ 28

Fonte: CBSS/Datafolha no Brasil