Morreu, e agora?

Bugigangas eletrônicas envelhecem muito rápido. Procurar o fabricante pode ser a saída para ressuscitar a aparelhagem

Já dizia Rubem Fonseca no livro A Confraria dos Espadas (Cia. das Letras), “matar uma pessoa é fácil, o difícil é livrar-se do corpo”. A frase parece perfeita quando associada àquela impressora matricial que algum tempo atrás parecia muitíssimo útil no escritório, não é? Ou àquele celular que já foi a última novidade, mas hoje parece inadequado. O mesmo acontece com seu computador, seu notebook, seu palm. Hoje, toda parafernália tecnológica fica ultrapassada mais rápido do que você imagina. E quem vê mais de perto os anúncios publicitários percebe que sobram opções no mercado para quem quer comprar um equipamento novo. Mas o que fazer com o velho? Separamos algumas dicas importantes para quem quer se livrar da velharia — e ainda levar alguma vantagem financeira:J80VOCÊ s.a. _ março 2002 Hoje, toda parafernália tecnológica fica ultrapassada mais rápido do que você imagina

CELULARES
Em primeiro lugar, o óbvio: consulte sua operadora. Você pode ter a opção de trocar o aparelho com desconto e permanecer com o mesmo número telefônico, inclusive com um celular pré-pago. Outra dica: seja qual for a sua operadora, não jogue a bateria no lixo. As baterias de celular têm em sua composição níquel-metal-cádmio, um produto tóxico que contamina o solo. O que fazer então? Entregue as baterias à assistência técnica do seu celular ou à operadora local. Para ter uma idéia, a Nokia tem a intenção de coletar 10 toneladas neste ano.

Telefones para contato:
Nokia:
(11) 3039-3443
Sony/Ericsson: 0800-7074444
Motorola: (11) 3328-3838
LG: 0800-7075454
Samsung: (11) 50147118

IMPRESSORAS
As impressoras velhas são um problema. Além de não ajudar no trabalho, ocupam muito espaço. A solução é uma só: vendê-las. A HP compra impressoras usadas de qualquer modelo, ano, fabricante ou tecnologia — desde que você compre uma impressora HP nova. A empresa paga apenas 10% do valor do equipamento novo e as impressoras a jato não entram nesse programa. O desconto é muito pequeno? Tudo bem, mas salvar um dinheirinho não faz mal a ninguém.

Telefone para contato:
HP:
0800-157751

PALM
Seu palm morreu. E agora? Quanto mais você depender de um palmtop, maior será a sua dor de cabeça se alguma coisa acontecer com ele. A solução é salvar as informações que estão no palmtop também em seu micro. Assim, você não perde tudo caso seja assaltado, por exemplo. Se não fez isso e o seu aparelho quebrou, busque orientação nas assistências técnicas. Selecionamos uma lista de sites e telefones para você obter informações de acordo com a marca que usa.

Telefones para contato:
HP:
www.hp.com.br
(11) 3747-7799

Casio: www.cweb.com.br
(11) 3115-0355

Compaq: www.compaq.com.br
(11) 5502-4555

i-Log: www.logger.com.br

Psion Revo: www.psion.com.br
(11) 3666-1144

IBM Workpad: www.ibm.com.br/pcshop
0800-781426

Palm: www.palm.com
0800-701776

Olivetti: www.olivetti.com.br
0800-121344

COMPUTADORES
Não tem jeito. Por mais que você faça atualização constante, chega o momento em que não dá mais — e ele costuma chegar mais rápido do que você imagina. Muito embora um bom equipamento custe caro, poucas lojas de informática oferecem a opção de usar o antigo como forma de pagamento, como acontece com os carros. A Zandi Informática é uma exceção. Ela compra seu computador, pagando 50% do valor, mas o problema é que só atende em São Paulo. No caso dos micros, vender por conta própria ainda é a melhor solução. Anuncie em jornais e revistas especializadas.

Telefones para contato:
Zandi Informática:
(11) 3362-1811, 3361-8665, 3333-1184