Marissa Mayer terá salário inicial de US$ 1 mi no Yahoo!

Contando com ações e outros benefícios, pacote de remuneração da ex-VP do Google pode ultrapassar os US$ 60 milhões em cinco anos

São Paulo – Em seu primeiro ano como CEO do Yahoo!, Marissa Mayer, ex- vice-presidente de produto do Google, terá um salário inicial de 1 milhão de dólares, segundo a carta de contratação divulgada nesta quinta pela impressa americana.

Agora, caso o Yahoo! tenha um desempenho surpreendente nos próximos doze meses, Marissa pode receber um valor em bônus equivalente a 400% do seu salário anual. Se a companhia “apenas” cumprir os resultados esperados, ela leva, no fim do próximo ano fiscal, 4 milhões de dólares em bônus. Nada mal.

Mas as perspectivas financeiras tendem a ficar mais promissoras para a executiva. Segundo o contrato que assinou com o Yahoo!, caso permaneça na empresa pelos próximos cinco anos, Marissa terá direito a 30 milhões de dólares em ações da companhia.

Por ora, a executiva já possui 14 milhões de dólares em ações do Yahoo! como uma compensação pela remuneração de longo prazo que deixou para trás ao romper seu contrato com o Google. Nos próximos três anos, ela ainda deve receber um prêmio de 12 milhões de dólares em ações.

Somando todos estes valores mais o salário anual, estima-se que, em cinco anos, Marissa receba um pacote de remuneração de mais de 60 milhões de dólares. Isso sem contar o que ela pode ganhar em bônus. Aos 37 anos e grávida do primeiro filho, é um pacote de remuneração a altura dos desafios que ela terá pela frente.