Fundação Carolina abre 648 bolsas de estudos na Espanha

Bolsas são destinadas a estudantes ibero-americanos que queiram completar a formação na Espanha no ano letivo 2018-2019

Madri – A Fundação Carolina, dedicada a fomentar as relações culturais e a cooperação educativa e científica entre a Espanha e Ibero-América, convocou 648 bolsas de estudos destinadas a estudantes ibero-americanos que queiram completar a formação na Espanha no ano letivo 2018-2019.

Nesta edição, a de número 18, a convocação soma um total de 194 programas acadêmicos, dos quais 186 são de pós-graduação, aos quais se somam os de doutorado e os destinados a facilitar a mobilidade de professores, informou a instituição espanhola.

As bolsas de estudos estão distribuídas em sete modalidades: de pós-graduação (376), de doutorado (135), pós-doutorado de curta duração (60), mobilidade de professores brasileiros (24), mobilidade de professores portugueses (15), projetos de empreendimento (2) e 36 bolsas de estudos do programa do Centro Superior de Estudos da Defesa Nacional da Espanha (CESEDEN).

O número de bolsas de estudos poderia aumentar nos próximos dias, em função de várias negociações que estão sendo realizadas.

O prazo de solicitação estará aberto até 20 de março para bolsas de estudos de pós-graduação, projetos de empreendimento e estudos institucionais; e até 7 de abril para as de doutorado, pós-doutorado de curta duração e mobilidade de professores.

Desde sua criação, em 2000, a Fundação outorgou 16,3 mil bolsas de estudos e ajudas de pós-graduação e doutorado a estudantes ibero-americanos e convidou à Espanha 2,7 mil líderes emergentes de todos os continentes.