13 cargos quentes em vendas e marketing com salários de até R$ 25 mil

Levantamento exclusivo com consultorias mostra as tendências do mercado de trabalho nas áreas de vendas e marketing

São Paulo – O mercado vive um momento de expectativa. Após um longo período de recessão no Brasil, as empresas esperam um sinal de crescimento da economia em 2019 para voltar a investir e expandir seus negócios.

De acordo com Gabriel Santos, gerente sênior da divisão de Vendas & Marketing e Serviços Financeiros da Talenses, isso deve refletir dentro do mercado de trabalho nas áreas de Vendas e Marketing.

O gerente conta que já recebeu contatos nas primeiras semanas do ano de empresas que querem aumentar suas equipes.

“Sairemos de um momento de cortes para uma busca por expansão de negócios. Mesmo as empresas mais tradicionais e conservadoras devem buscar reforçar seus times de vendas e investir em marketing”, explica ele.

Para se recuperar dos anos de atraso, as empresa vão procurar melhorar o desempenho das vendas, com foco no consumidor e em tomadas de decisão utilizando dados. Por isso, há uma maior destaque neste ano para os especialistas em inteligência de mercado e experiência do cliente.

Segundo Santos, por essas razões, vão se destacar profissionais que tenham maior entendimento sobre os negócios da empresa, não importa sua formação principal, e que consigam adaptar os produtos a cada parceiro e ter um visão das necessidades dos clientes.

Para entender melhor as tendências do mercado para Marketing e Vendas, EXAME fez uma pesquisa entre empresas e consultorias sobre os profissionais e cargos mais requisitados nos próximos 12 meses.

O levantamento contou com a participação da Catho, Produtive, Hays, Page Group, Talenses e Stato. Confira:

Gerente de Marketing Digital

O que faz: gerencia e acompanha performance em Google Adwords e Analytics, desenvolve SEO e campanhas de e-mail marketing e ações digitais, a fim de gerar leads qualificados para conversão em vendas e fortalecimento da marca

Perfil: formação em administração de empresas, marketing, publicidade e propaganda, entre outros cursos relacionados. A maioria das empresas exige pós-graduação ou MBA focado no digital. As empresas procuram pessoas pró-ativas, com boa comunicação e inglês avançado

Salário médio: entre 16 mil e 20 mil reais

Por que está em alta: as empresas atuam cada vez mais no meio digital para trabalhar branding, produtos e serviços

Gerente de Marketing Branding

O que faz: Sua função é elaborar a estratégia da marca, incluindo a definição de estilos, visão e valores propostos da marca para o mercado – a curto e longo prazo.Também ajuda na execução da comunicação, branding dos produtos e atividades publicitárias em todos os canais.

Perfil: com graduação em administração, economia ou engenharia, publicidade e marketing. Um gerente de branding precisa ter fortes habilidades de comunicação, inglês fluente, manter excelente relacionamento com os colegas e contatos externos, ter uma atitude proativa, ser analítico e ambicioso

Salário médio: cerca de 20 mil reais

Por que está em alta: hoje a concorrência está muito alta, levando as empresas apresentarem seu produto e sua marca associando valores importantes para o consumidor, mantendo a integridade da marca através de todas as atividades de marketing e de comunicação da empresa

Gerente de vendas (Hunter)

O que faz: são profissionais que atuam na área de vendas em mercados digitais, seja e-commerce, market place ou empresas tradicionais que tenham também uma área digital. Eles procuram abertura de novos canais de vendas

Perfil: une atributos como a habilidade de negociação (vivência no mercado de vendas) e habilidade analítica, ou seja, inteligência do mercado de vendas. Segundo a Stato, a vaga exige um perfil mais “agressivo” de vendas.

Salário médio: entre 8 mil e 15 mil reais

Por que está em alta: a área está em alta justamente porque torna a área de vendas cada vez mais inteligente e, assim, garante resultados mais positivos. Empresas que precisam ser competitivas e procuram expandir os negócios devem contar com esses profissionais

Gerente de Desenvolvimento de Negócios

O que faz: esse profissional é responsável por definir a política e estratégia de execução junto a liderança da companhia com foco em buscar novas frentes de negócio, desenvolver contas estratégicas e gerar oportunidades ainda não trabalhadas

Perfil: é “multitarefas” e com perfil consultivo, capaz de desenhar planos de ação a serem executados em campo, além de capacidade analítica de acompanhar todos indicadores de performance. Competências comportamentais são fundamentais para esta posição, assim como persuasão, resiliência e boa comunicação

Salário médio: entre 12 mil e 18 mil reais

Por que está em alta: a área é destaque em momentos de retomada e crescimento, com novo foco em aumentar participação de mercado e consequentemente faturamento. O setor de Serviços e Indústria vem demandando este perfil com mais frequência

Coordenador de Vendas Regional

O que faz: coordena as atividades de vendas, orienta vendedores e representantes e analisa performance da equipe, visando o cumprimento de metas

Perfil: são profissionais com forte vivência em vendas e gestão de equipe de vendas.

Salário médio: entre 10 mil e 12 mil reais

Por que está em alta: o mercado de trabalho está aquecendo aos poucos e as empresas estão expandido seus negócios. Para isso é necessário um profissional que tenha a capacidade de gerir uma equipe de forma eficaz e com forte habilidade comercial

Gerente Comercial

O que faz: cuida da estratégia de negócio, planejamento e desenvolvimento de produtos

Perfil: precisa ter experiência em expansão de negócios, liderança de pessoas e inglês fluente

Salário médio: cerca de 20 mil reais

Por que está em alta: mercado está retomando crescimento e a demanda para área comercial aumenta

Gerente Comercial (canal indireto)

O que faz: é responsável por qualificar e gerir o relacionamento, margem e volume de vendas indiretas para distribuidores ou revendas

Perfil: é necessário ter senioridade para entender o modelo de negócio do canal e propor uma solução “ganha-ganha”. Habilidade de influência, boa capacidade analítica, negociação e conciliação

Salário médio: entre 15 mil e 25 mil reais (com direito a bônus e comissões)

Por que está em alta: o modelo de vendas indiretas permite maior capilaridade e penetração em diferentes clientes/regiões. É um modelo com custos fixos menores e que cria um ecossistema de vendas positivo. Essa posição vem crescendo nos mercados de tecnologia e bens de consumo

Analista de Marketing e Comunicação Digital

O que faz: é o profissional que vai efetivamente se comunicar junto com o público nas mídias sociais para comunicar o que a empresa considera estratégico

Perfil: é preciso ter conhecimento técnico sobre todas as métricas e assuntos relacionados ao tema, estar atento às constantes atualizações das redes sociais, conhecer bem o público de cada empresa ou cliente. Em termos de habilidades comportamentais, é preciso que esse profissional saiba cumprir prazos e tenha agilidade

Salário médio: entre 3 mil e 7 mil reais

Por que está em alta: cada vez mais, as empresas estão buscando interagir com o público nas redes

Gerente de Inteligência de Mercado

O que faz: esse profissional fica abaixo do guarda-chuva de pesquisa e mapeamento de mercado, de produto e de suporte para área comercial que oferece indicadores de respostas de mercado

Perfil: formação, normalmente, em marketing ou administração. Para esta posição, as empresas estão abertas para formação em engenharia também

Salário médio: entre 18 mil e 23 mil reais

Por que está em alta: como as empresas precisam resgatar o que foi perdido nos anos de economia em recessão, ter a estratégia mais alinhada com indicadores reais trarão um crescimento mais rápido

Especialista em Experiência do Cliente

O que faz: pode ficar junto com a área de Marketing e de Inteligência de Mercado ou pode ser uma cadeira específica, como há na Oracle e IBM. O profissional deve atuar na relação entre marca e cliente, viabilizando processos que facilitem essa experiência

Perfil: a formação, normalmente, é em marketing ou administração, com especialização específica em gestão de processos e projetos

Salário médio: entre 18 mil e 23 mil reais

Por que está em alta: as startups trouxeram grandes ensinamentos para o mercado corporativo tradicional. A visão de experiência com o cliente e tendências de relacionamento com o consumidor passam a ser incorporadas nos processos para atrair e fidelizar consumidores

Especialista ou Gerente de E-commerce

O que faz: é o profissional que trabalha no projeto de e-commerce e na gestão do time comercial online, além de atuar na inteligência de mercado de vendas pela internet

Perfil: a especialização em Varejo tem se pedido muito para essa posição. A formação pode ser mais abrangente, desde que o viés em e-commerce e varejo seja predominante. Para cargos de gestão, é necessário ter experiência comprovada

Salário médio: entre 15 mil a 20 mil reais

Por que está em alta: para gerir o time comercial online e traçar estratégias de vendas pela internet

Analista de Search Engine Optimization (SEO)

O que faz: um objetivo comum entre as áreas de marketing digital é alcançar as primeiras posições nos sites de busca. Para isso, é necessário reunir um conjunto de técnicas de otimização para sites, blogs e páginas na web, atribuições do profissional SEO

Perfil: para atuar na área, os cursos de comunicação como jornalismo, publicidade e propaganda e marketing são os mais desejados. Ainda é necessário algumas habilidades para exercer a profissão, como web analytics, inglês, web marketing

Salário médio: entre 3 mil e 6 mil reais

Por que está em alta: com um volume cada vez maior de informações, ter um profissional especializado em atrair o público nas pesquisas é a melhor chance de conquistar novos clientes

Designer gráfico

O que faz: esse profissional atua desenvolvendo diversas soluções de design e comunicação visual em agências de publicidade, design, comunicação e marketing ou de forma autônoma

Perfil: criativo, inovador e capaz de solucionar problemas de forma eficaz e assertiva. É possível ser autodidata na área, mas para aqueles que buscam a qualificação ideal, os cursos de designer gráfico, designer de produtos, desenho industrial, dentre outros, são os mais requisitados

Salário médio: entre 1 mil e 5 mil reais

Por que está em alta: para melhorar a experiência dos consumidores e usuários, especialmente em aplicativos e plataformas online, uma aparência agradável se torna essencial. Em um mundo mais visual, as empresas contratam esses profissionais para inserir sua marca no mercado e nos clientes