Diretora de Mulher-Maravilha pode ser a mais bem paga do mundo

Patty Jenkins vai fazer a sequência do filme, prevista para ser lançada em dezembro de 2019

São Paulo – Patty Jenkins, do filme Mulher-Maravilha, pode ter se tornado a diretora de cinema mais bem paga do mundo por conta do contrato com a Warner Bros para dirigir a sequência com a heroína Diana, estrelada por Gal Gadot.

Fontes do site Hollywood Reporter informam que para co-escrever, produzir e dirigir ela vai ganhar algo entre 7 milhões e 9 milhões de dólares de salário. O acordo também prevê que ela tenha ganhos adicionais durante a produção, o que deve aumentar consideravelmente a sua remuneração final, ainda segundo o Hollywood Reporter.

O valor, caso seja confirmado, pode fazer com que ela quebre mais um recorde: além de a diretora de maior bilheteria da história do cinema, ela também seria a mais bem remunerada.

Previsto para ter a sua sequência lançada em dezembro de 2019, o filme Mulher Maravilha arrecadou US$ 816,4 milhões nas bilheterias de todo mundo, e surpreendeu até a Warner Bros.