Como aplicar a teoria no ambiente de trabalho

Muito além da certificação profissional, quem usar o que aprendeu durante a vivência acadêmica em seu dia a dia corporativo tem mais chance de crescer

A sala de aula é um local frequentado durante um grande período da vida por muitas pessoas que querem adquirir conhecimento para ter sucesso profissional. No entanto, não basta ter um certificado para colocar no currículo. É preciso saber aplicar o que foi aprendido no ambiente acadêmico na rotina de trabalho. Esse é um dos maiores desafios para alunos dos mais variados cursos. Por isso, muitas escolas e universidades já começaram a desenvolver novos modelos de ensino que aliam a teoria à prática durante todo o curso. Assim, formam profissionais preparados para enfrentar um mercado de trabalho altamente competitivo.

O aprendizado orientado à resolução de problemas é um exemplo de metodologia para aplicar a teoria à prática. Funciona assim: a instituição de ensino simula durante as aulas as adversidades mais comuns encontradas no mercado de trabalho, traz ensinamentos e dilemas do mundo real e apresenta ferramentas para que o aluno possa resolvê-los. Tudo em um contexto de diversidade de ideias e proatividade. Afinal, o debate é essencial para o futuro dos estudantes e dos próprios negócios.

Um dos pontos mais importantes do método é mostrar para o aluno que ele não aprende somente estudando. Claro que os livros são muito importantes no desenvolvimento de qualquer pessoa, mas é necessário mostrar que a relação que ele constrói com professores e com colegas de classe também é fundamental para o sucesso. “A ideia é que, com esses modelos, o estudante tenha um processo de aprendizagem no qual busca ser o protagonista, e não só mais um ouvinte”, explica Silvio Laban, coordenador do mestrado profissional em administração do Insper, instituição que já aplica esse tipo de aprendizado em seus cursos.

Metodologias inovadoras

O Insper aplica no final de seus cursos o Business Game, um simulador de negócios em que os alunos conseguem entender o impacto de todas as decisões que eles tomam, ao mesmo tempo que passam a compreender a importância de cada área de uma empresa. Ao concluir o programa de MBA executivo, por exemplo, o aluno tem a oportunidade de vivenciar a experiência de gerir uma empresa ao aplicar conceitos e habilidades adquiridos em uma situação hipotética. Ou seja, o estudante é colocado no papel de gestor e pode tomar decisões estratégicas nas áreas abordadas pelas disciplinas do programa e mensurar o impacto de suas escolhas no resultado do negócio.

É um programa que caminha de mãos dadas com o aprendizado orientado à resolução de problemas. “A atividade mostra que teoria e prática são coisas indissociáveis”, diz Laban. “A teoria sem a prática não faz sentido, pois não resultará em nada, enquanto a prática por si só não estimula a especulação e o debate, podendo trazer diversos problemas futuros”, compara.

Outro exemplo é o Fab Lab, uma espécie de laboratório de fabricação digital. Trata-se de um local onde estudantes das mais diversas áreas do Insper conseguem dar vazão à criatividade. Lá dentro, uma ideia pode virar realidade em poucos minutos com ajuda de máquinas de última geração, como impressoras 3D. Nesses espaços, a filosofia americana do “faça você mesmo”, tão vista em garagens de regiões como o Vale do Silício, é muito presente.

A Association to Advance Collegiate Schools of Business (AACSB), uma das associações de educação mais respeitadas do mundo, já certificou o processo de gestão de aprendizagem como uma das melhores práticas globais. “Queremos formar cidadãos aptos a tomar decisões complexas e desenvolver a habilidade de aliar a teoria com a prática”, afirma. O resultado é o futuro profissional mais preparado para articular estratégias e ter uma liderança mais efetiva.

 SOBRE O INSPER

O Insper é uma instituição independente e sem fins lucrativos dedicada ao ensino e à pesquisa nas áreas de administração, economia, direito, engenharia, marketing e políticas públicas. Tem como missão ser um centro de referência, explorando complementaridades nessas áreas. Suas atividades de ensino abrangem cursos para todas as etapas de uma trajetória profissional. Em seu campus, na Vila Olímpia (São Paulo, SP), oferece desde cursos de graduação (economia, administração e engenharia) até de pós-graduação (MBA, certificates, mestrados profissionais e doutorados) e de educação executiva (programas customizados e de curta e média duração).